Michelle Niehues Favaro

Hoje, com uma carreira de aproximadamente 10 anos no Judiciário Federal e com dois filhos incríveis, percebi que toda a felicidade e a paz que tenho são resultados PRINCIPALMENTE de minha INTELIGÊNCIA EMOCIONAL e FINANCEIRA!

Foi importante estudar muito, fazer faculdade e pós-graduação, mas eu não teria alcançado nada se não tivesse persistência, resiliência e uma motivação incansável!


Atualmente eu estou no cargo de Oficial de Justiça Avaliador Federal do Tribunal Regional do Trabalho da 15º Região. 

 

O Direito e a Justiça sempre foram paixões para mim. Mas, o tempo me mostrou que a liberdade, proporcionada pela prosperidade, é o caminho para a evolução social.

Eu já fui endividada, já trabalhei apenas para pagar contas, apliquei muitos anos da poupança, até que a ficha caiu, eu questionei todos meus hábitos financeiros, busquei conhecimento e passei a investir!ㅤ


O que ficou claro para mim é que apenas ganhar bem, ter uma boa renda, não é o suficiente para enriquecer.

Assim, tive consciência de que não adiantava apenas ganhar mais, passar em concursos melhores só por isso, pois gastaria tudo e o ciclo financeiro continuaria. Entendi que a prosperidade financeira não se resume apenas em "ganhar bem".

Então comecei a ESTUDAR MUITO, só que sobre FINANÇAS! E, acreditem, ganhando a mesma coisa, passei a economizar muito dinheiro.ㅤ

 

Mas NÃO FOI MÁGICA, foram ESCOLHAS:

 

- aprendi a gastar apenas com o necessário e com o que realmente tem VALOR EMOCIONAL para minha família;

 

- comecei a investir nossas economias e a usar a força dos juros sobre juros a meu favor (investimentos);

 

- compreendi que dores emocionais não são curadas com o consumo; e

 

- parei de desperdiçar dinheiro (= tempo) com coisas inúteis.ㅤ

 

Olhando para trás, sei que poderia ter sido diferente.

 

O tempo não volta, mas ESTÁ TUDO BEM, pois ainda tenho muito tempo!ㅤ

 

Não tive educação financeira quando era criança. Acredito que meus pais também não tiveram. E TUDO BEM! Eram outros tempos, a educação era outra, o sucesso financeiro era condicionado a um diploma universitário.

Mas hoje devo ter responsabilidade com meus filhos. Não basta que eles cursem ótimas Universidades e herdem grandes fortunas, pois se não tiverem inteligência emocional e financeira nunca vão passar de ótimos pagadores de contas ou de endividados!

 

E isso gera sofrimento!

 

Não desejo isso para ninguém, muito menos para eles.ㅤ

 

Por tudo isso, vivo essa missão, que é levar inteligência emocional e financeira para você e para sua família!

 

Venha fazer parte dessa transformação!